Notícias

Notícias

Notícias

Quais os tipos de confinamento bovino e qual o melhor para a sua criação?


Por Equipe H.J. Baker em 07/06/2019

Muitos criadores de gado podem começar seu negócio optando por tratar os animais no pasto, com rotatividade de piquetes, mas, com o tempo, surge a ideia de colocar os animais no confinamento. Um dos motivos desse interesse pelo produtor é evitar que os animais percam peso no período de seca das pastagens, termine o ganho de peso de forma precoce para gado de corte ou mesmo mantenha altas produções em gado de leite.

O confinamento do gado é uma prática propícia no período do inverno e da seca, uma vez que a nutrição dos animais acaba prejudicada pela falta da qualidade e quantidade de pastagem, mas pode ser adotada o ano todo dependendo da finalidade do produtor.

Embora esse tipo de manejo possa ser interessante, é preciso lembrar que, para obter o sucesso, é necessário escolher o tipo de confinamento bovino adequado para a sua propriedade. Além disso, o investimento pode ser alto e, por isso, a construção da estrutura deve ser muito bem planejada, para que o investimento não seja perdido.

Conheça alguns tipos de sistemas de confinamentos usados e descubra qual deles é o ideal para sua criação.

Confinamento bovino a céu aberto

Usado para gado de corte, no estilo curralete. Os animais têm acesso a um cocho para o fornecimento de alimento e bebedouro de água.

Nesse tipo de confinamento o único espaço coberto é o cocho de sal. O local pode contar com pontos de sombreamento, que podem ser feitos com árvores, e área pavimentada na frente. Alguns trabalhos têm mostrado bons resultados no ganho de peso quando é dada uma atenção especial ao conforto térmico dos animais.

Confinamento parcialmente coberto

Pode ser usado para gado de corte e leite e é muito semelhante ao anterior. Porém, há uma área coberta, pequena, para que os animais possam se abrigar. No geral, esse espaço fica perto do cocho, protegendo o alimento e dando um espaço coberto para o gado.

Galpão fechado

O local é todo fechado e possui área de 3 a 5 m² por cabeça de gado. Assim como os demais, possui cocho para alimentação, cocho de sal e local para água.

É usado para gado de corte e possui custo de construção bastante elevado. Para que dê certo, é preciso contar com mão de obra qualificada e ter cuidado com o controle da temperatura do ambiente. É comumente usado em clima temperado.

Tie Stall é um confinamento bovino para gado de leite

Os animais que estão em lactação ficam presos em baias, recebendo alimento no cocho. Durante a ordenha os animais ficam soltos e podem se locomover.

Quando as vacas estão secas elas vão para o piquete, onde seguem até o parto. O método caiu em desuso por causar desconforto nos animais.

Loose Housing

Nesse sistema, as vacas leiteiras ficam em um espaço com cama de palha de arroz ou de areia. O local é coletivo e elas podem se locomover ou deitar, como preferirem.

Já a alimentação é feita em um galpão, no qual está disponível o capim, silagem, cana ou outro tipo de alimento. A ordenha também é feita em outro espaço.

Embora seja um confinamento bovino, essa prática é mais usada por dar espaço para que o animal se movimente e aja naturalmente. Além disso, as vacas contam com um espaço coberto para se protegerem da chuva.

Free-stall

É um dos sistemas de confinamento bovino para gado de leite mais usados no Brasil. Nele, as vacas ficam soltas e contidas por uma cerca. Os animais possuem baias individuais, com cama de serragem, areia ou outro material.

O investimento para ter um confinamento bovino pode ser alto, entretanto se for desenvolvido um bom projeto ele se torna altamente rentável, e vale lembrar que eles devem se moldar à realidade de cada tipo de produção. O pecuarista deve avaliar qual é a melhor alternativa para a sua propriedade.

A equipe técnica da H.J.Baker está à disposição para auxiliá-los na nutrição de seu gado, e temos produtos que irão se adequar a sua realidade independentemente de seu projeto, buscado sempre e melhor rentabilidade para seu negócio.

Gostou? Compartilhe, e continue visitando o blog da H.J.BAKER!

 

REFERÊNCIAS

https://tecnologianocampo.com.br/confinamento-de-gado/

http://www.almanaquedocampo.com.br/imagens/files/confinamento_bovinos_corte.pdf

http://docente.ifsc.edu.br/roberto.komatsu/MaterialDidatico/Agronegócio_4Mod_2017_1_PJI2/manual-instalacoes-confinamento_Branco_IEPEC.pdf

Relacionadas

Allnova apresenta linha AllEquus durante o 11º Festival Nacional do Cavalo BH

AllNova seleciona representante comercial para Sorocaba e cidades próximas

05 dicas de preparo para vender bem seu cavalo