Notícias

Notícias

Notícias

Quais os cuidados que bezerros recém-nascidos precisam?


Por Equipe H.J. Baker em 09/08/2019

O bezerro é um dos grandes investimentos do pecuarista. Garantir a sua criação e crescimento saudável é fundamental para se certificar de que o animal irá ser produtivo e valioso, fazendo com que o retorno seja positivo.  Por isso, preparamos para vocês esse texto com os principais cuidados que bezerros recém-nascidos precisam!

Confira:
Os objetivos gerais
Existem diversos cuidados que devem ser tomados para garantir o bem-estar do bezerro recém-nascido.
O próprio Ministério da Agricultura e Pecuária elaborou um manual de boas práticas para os bezerros ao nascimento, contendo uma explicação mais detalhada que abrange desde o parto, passando pela primeira mamada, chegando até o seu crescimento.
Porém, de forma mais resumida, existem dois objetivos primários que devem ser mantidos em mente ao cuidar de um bezerro recém-nascido: adaptá-lo ao novo ambiente e garantir a manutenção de sua saúde.


Como adaptar o bezerro ao novo ambiente?
Assim que o bezerro nasce, sua mãe busca instintivamente por lambê-lo, essa prática ira desobstruir as narinas e para que ele fique seco, Isso irá auxiliar no processo de adaptação à temperatura ambiente. Caso esse processo não seja feito pela mãe, pode ser usada uma toalha para realiza-lo.
Neste primeiro dia, é importante deixá-lo com a mãe, para que ele possa se adaptar e mamar o quanto quiser. No dia seguinte ao parto, são feitos os 3 procedimentos que são os cuidados imediatos com o bezerro:
Identificação: É fundamental identificá-lo para facilitar o gerenciamento da fazenda. Pode ser usada uma marca na parte de trás do pescoço.
Pesagem: Para a pesagem, o ideal é levar uma balança portátil até o local do nascimento. Desta forma será possível, caso necessário, separa os animais por lotes em função do peso.
Assepsia do umbigo: A assepsia do umbigo é um processo fundamental para fechar uma porta de entrada para infecções, já que existe uma ligação direta entre o cordão umbilical e o sistema circulatório.
É importante se certificar de que estes procedimentos sejam feitos com bastante calma e cuidado. O ideal é que sejam realizados por um profissional experiente.


Mantendo a saúde e o crescimento do bezerro
Os cuidados acima já são fundamentais para trazer as melhores condições para a saúde do bezerro. Porém, o outro ponto essencial para o seu crescimento é a sua alimentação.
Colostro deve ser oferecido ao bezerro até 4 horas após o seu nascimento, para que ele tenham acesso aos benefícios imunológicos e nutricionais deste alimento.
O ideal também, é sempre oferecer o colostro fresco, em casos extremos (bezerro órfão, filho de vaca seca ou abandonado) pode ser necessário o uso de um banco de colostro ou amadrinhamento com animal de mesma idade, para que o animal tenha também os benefícios imunológicos do colostro.
Por fim, em certos casos, pode ser necessário ajudar o bezerro a mamar. Para ter certeza se este é o caso, observe tanto a mãe quanto o filhote. Se a mãe estiver com as tetas cheias e brilhantes e se o bezerro estiver abatido e com a barriga vazia, ele pode precisar de alguma ajuda.

Para a melhor nutrição do seu gado, em qualquer fase da criação, você pode contar com a H.J.BAKER! Conheça nossas soluções acessando nosso site! (Allnova Beef e Allnova Milk)

 

Relacionadas

AllNova seleciona representante comercial para Sorocaba e cidades próximas

Por que as cabras comem “de tudo”?

AllNova intensifica lançamentos e apresenta ProteinMax